Entre Ruínas e Escombros

(…) O Deus dos céus é quem nos dará bom êxito (…) nos disporemos e reedificaremos. Neemias 2:20.

Alguma vez você já passou por uma situação onde você se pergunta “o que sobrou da minha vida”? Aquela situação onde você pensa “e agora; o que eu vou fazer; como vou viver”?

Quando passamos por situações de grande ruína nos vemos no meio dos escombros1 e não sabemos nem como vamos começar a reconstruir o que desabou. Nessa hora precisamos orar mais e buscar ânimo, discernimento e coragem da parte de Deus! No capítulo 2 vemos que Neemias preferiu deixar o palácio para ser o portador de uma palavra de ânimo ao povo para reerguerem juntos os muros de Jerusalém que haviam sido destruídos.

Para isso, Neemias precisava caminhar pelas ruinas para dentre tantas coisas, ser confrontado com a história da sua nação que foi levada cativa por ter deixado de seguir ao Senhor. Precisamos entender que caminhar no meio das ruinas é um exercício de coragem e grande aprendizado. É um chamado de ruptura com o passado, um tempo de fazer avaliações e seguir em frente. Neemias fez essa caminhada, saindo da sua zona de conforto para enfrentar o desânimo dos seus conterrâneos, as setas do desmerecimento e da incredulidade, os ataques físicos dos inimigos, o cansaço, stress e muito mais. Ele venceu os “escombros da sua alma” e viu os muros da cidade reconstruídos! Aleluia!

Assim como Neemias, muitas vezes temos que lidar com situações de ruinas e escombros, mas tenhamos fé e coragem, pois o desejo de Deus não é nos permitir esse tipo de experiência como punição, mas sim como avaliação, tempo de sermos confrontados pelas nossas próprias escolhas, mas também tempo de ouvirmos a Sua voz nos convidando para uma nova etapa agora tendo Ele como Senhor do nosso futuro.