Fé Ativa

Muitas vezes vamos vivendo a vida cristã de forma rotineira,insatisfeita e vazia, e não procuramos saber por que as coisas não acontecem em nossas vidas.

Temos que procurar respostas que satisfaçam não somentea nossa curiosidade, mas que  forneça significado de vida, ou seja, uma vida cristã que vale a pena ser vivida.

Queremos a vida com abundancia prometida por Jesus,entretanto, temos muito pouco dela. Precisamos começar a investigar o que está acontecendo com a fé que dizemos ter nEle.

Sobre o assunto acima procuraremos encontrar algumas respostas dentro da palavra de Deus.

II CORÍNTIOS 1:20 – “Porque quantas são as promessas de Deus, tantas tem nele o sim; porquanto também por ele é o amém para a glória de Deus, por nosso intermédio”.

A primeira coisa que temos que entender que todas as promessas de Deus são extensivas a nós, para vivenciá-las. Diz que todas as promessas de Deus tem o sim dele para que se cumpra em nossas vidas. Porque então as coisas não acontecem, já que dizemos acreditar nelas?

Hebreus11:13 – “Todos morreram na fé, sem ter obtido as promessas; vendo-as, porém, de longe, e saudando-as e confessando que eram estrangeiros e peregrinos sobre a terra”.

O capítulo 11 de Hebreus nos fala dos “Heróis da Fé”, homens que morreram nafé, embora não tivessem visto as promessas de Deus se cumprir no seu tempo,entretanto não deixaram de crer, pois Deus não é homem para que minta.

Isso é FÉ ATIVA.

> Viver pela fé é ter a capacidade de viver sustentado pelo que é invisível.

> Fé é certeza concreta; confiança sem espaço para dúvida.

> Fé é ação em obediência ao que Deus diz.

Em nossos dias é muito comum as pessoas dizerem que tem fé. Isso nada mais é do que simplesmente uma concordância, um assentimento mental. Essa fé é intelectual, não brota do espírito.

Pensando, cheguei à conclusão que uma fé para ser ativa requer alguns elementos que nem sempre consideramos:

UMA FÉ ATIVA REQUER:

1. Uma vida integral na fé – Romanos 1:17b – “O justo viverá por fé”. Esta é a única forma que podemos viver a vida cristã: por fé. Não é por aquilo que vemos ou sentimos, mas por fé. As promessas de Deus se cumprem na nossa vida não é porque somos dignos delas ou tenhamos mérito para recebê-las, mas unicamente porque cremos pela fé.

“No mundo moderno, muitos aspectos da religião são altamente individualistas. As pessoas inventam suas próprias logomarcas. Nossas tradições de igreja, no entanto, continuam sobrevivendo. As pessoas querem a igreja e sua perspectiva quando ocorrem nascimentos, casamentos e mortes e quando elas querem que seus filhos possuam valores morais sólidos. Mas, muitas vezes,  as pessoas não vivem integramente sua vida cristã. Suas convicções cristãs aplicam-se apenas a pequenas áreas de suas vidas. O deus dela é um “deus de lacunas”. Deus dá sentido para aquelas partes da vida não alcançadas pela economia, psicologia e sociologia – ou reportagens especiais. Na verdade,nossas igrejas são frequentadas por muitas dessas pessoas. Elas são cristãs parciais, não porque estão desmotivadas, mas porque seu cristianismo se aplica somente a pequenas partes de suas vidas. Elas estão sucumbindo ao mundo secular dividido em compartimentos. As mais impressionantes igrejas que conheço estão atentas a isso e estão ativamente elaborando um contra-ataque. Elas sabem que os cristãos tem de ser pessoas inteiras, que enxergam a vida como um todo, uma visão que dá sentido e orientação para tudo o que fazem. Essas igrejas também sabem também que cristãos precisam de profundidade e transcendência nas suas vidas. Eles precisam estar em contato com Deus – o fundamento, a origem e o objetivo das nossas vidas” – Bíblia de Estudo da Reforma – página 2125.

2.Mente renovada – Romanos 12:2 – “E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus”.

Muitas vezes pensamos que tudo que se refere à vida espiritual é Deus quem vai realizar, é responsabilidade dele. Eu não tenho participação alguma no crescimento da minha fé.

Vemos neste texto que diz – transformai-vos – ouseja, a transformação que desejo é responsabilidade minha. Tenho que fazer minha parte. Essa transformação somente virá através da renovação da minha mente.

Como quero ter uma fé ativa, ver as coisas acontecendo, se minha maneira de pensar é totalmente contrária à maneira como Deus pensa.

Portanto, uma fé ativa requer uma mente renovada, caso contrário às coisas não acontecerão.

Creio que Deus fala conosco dizendo: – Se queres andar comigo terá que ser do meu jeito, da minha maneira de pensar.

O humanismo (racionalismo) impede de pensarmos de acordo com os princípios de Deus, anulando nossa fé.

Nossa compreensão de Deus torna-se profundamente afetada pela nossa mente secularizada, que vê e interpreta as realidades bíblicas e espirituais a partir dos conceitos seculares que nos são impostos pela cultura dominante.

Romanos 8:8 – “Portanto, os que estão na carne não podem agradar a Deu”.

A mente estruturada na carne age contra Deus.

Filipenses 4:8 – “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso que ocupe o vosso pensamento”.

Através desse versículo Deus nos mostra a estrutura mental que conduz a uma fé ativa.

3. Linguagem positiva – Efésios 4:29 – “Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, e sim unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e, assim, transmita graça ao que ouvem”.

Efésios 4:31 – “Longe de vós, toda a amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmias e bem assim toda a malícia”.

Efésios 5:3 e 4 – “Mas a impudicícia(imoralidade, indecência, falta de honra, honestidade), e toda a sorte de impurezas nem sequer se nomeiem entre vós como convém aos santos; nem conversação torpe (nojento, indecente, infame), nem palavras vãs ou chocarrices(gracejo desabusado, insolente), coisas essas inconvenientes; antes, pelo contrário, ações de graças”.

Vivemos numa sociedade extremamente negativa,pessimista, insolente e impura. Na maioria das vezes somos contaminados e começamos a falar e a agir da mesma forma.

Como posso ter uma fé ativa se minha linguagem negativa,pessimista, derrotista diz exatamente o contrário. Como posso ter uma fé ativa se minha forma de falar denuncia justamente o contrário.

Uma fé ativa é aquela que independente das circunstâncias, das crises, das dificuldades, continua crendo que há um Deus que pode todas as coisas.

 A fé ativa é aquela que supera obstáculos, rompe barreiras, derruba preconceitos, porque tema palavra de Deus como suporte e a linguagem do reino de Deus, que reverbera por aonde vai dizendo – Passará o céu e a terra, mas a palavra do meu Deus não passará.

Nossa forma de pensar e de falar denuncia o tipo de fé que professamos ter.

A fé ativa se ativa mediante uma vida mergulhada integralmente em fé, uma mente renova e uma linguagem positiva.