Carta

… sim, é claro que vocês são uma carta escrita pelo próprio Cristo e entregue por nós.  II Coríntios 3:3– NTLH – grifo nosso.

Qual foi a última carta de verdade que você recebeu? Aquela escrita de próprio punho, a mão mesmo? O conteúdo dela foi bom ou ruim? Te animou, desanimou ou te indignou?

Vivemos numa geração de “cartas de cobrança”. Quem um dia não recebeu aquela carta dizendo “sua fatura consta em aberto nos nossos registros”? A muito não sabemos o que é receber uma carta de esperança, de ânimo ou coisa do tipo. Uma carta revela muita coisa sobre quem a escreveu. Ela em si é só um pedaço de papel marcado com tinta, mas quanto lida pelo destinatário, revela o propósito de seu envio e os traços do caráter de quem a escreveu.

O apóstolo Paulo se refere as crentes de Corinto como cartas, ou seja, pessoas cujo proceder diário revelavam a mensagem de Cristo e testemunhavam o trabalho ministerial por ele executado. Como cartas essas pessoas podiam ser lidas pelos demais cidadãos e a mensagem neles encontrada era Cristo.

Como uma carta é o testemunho de quem a escreveu, se dizemos que somos de Cristo, o quanto de Jesus está expresso em nossas linhas? O quanto testemunhamos em atitudes a transformação do nosso caráter? Somos uma carta viva que expressa o caráter de quem em nós escreveu com graça, misericórdia e verdade, ou um rabisco, quando muito um bilhetinho? Somos uma carta de amargura, tristeza e queixumes da vida ou um manifesto de esperança em um Deus poderoso? Somos uma carta de que Deus é Santo até mesmo nas redes sociais ou um mero panfleto de sinaleira que as pessoas leem e logo colocam fora porque o assunto não lhes interessa? Somos uma carta que revela Cristo ou o pecado e a carnalidade?

Ser uma carta viva na nossa família, no meio dos nossos parentes, amigos e da sociedade, requer a ação do Espírito Santo. Ele irá causar o atrito e a pressão exata sobre o papel (eu e você); Ele irá transformar o coração de pedra em coração de carne (Ezequiel 11:19-20), sensível e desejoso por revelar Sua obra maravilhosa. Quer queríamos ou não, as pessoas nos leem! Qual a mensagem que estamos revelando? Deus quer se revelar a você e em você!